T-SBUR2 Radar ADSB localizado em Uberaba alcance raio de 400 Km

quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

Piloto da Embraer (co-piloto) ejetou após se 'assustar' com manobra.

Funcionário participava de treinamento com caça em Gavião Peixoto, SP.
Homem foi socorrido com ferimentos a hospital de Araraquara nesta quarta.


O piloto que se ejetou de uma aeronave da Embraer durante um voo de treinamento, nesta quarta-feira (19), afirmou à Polícia Militar que se assustou com uma manobra e por isso apertou o botão de ejeção. Ele caiu de paraquedas em uma área rural entre Nova Europa e Tabatinga (SP) e foi socorrido até um hospital de Araraquara com ferimentos.


Segundo informações do boletim de ocorrência divulgadas pela Polícia Civil de Tabatinga, o co-piloto, que não teve a identidade revelada, disse que sentiu perigo após uma manobra “anormal” feita pelo outro piloto da aeronave, um caça Super Tucano.


Ele caiu em um canavial e caminhou até a Rodovia Victor Maida, onde foi socorrido por uma equipe do Serviço Móvel de Urgência (Samu) e transportado de helicóptero até o Hospital São Paulo, em Araraquara. O estado de saúde dele não foi divulgado.
De acordo com a Embraer, o outro piloto que estava a bordo da aeronave comandou o pouso do avião normalmente, em Gavião Peixoto(SP), onde a empresa tem sede. Segundo nota enviada pela assessoria de imprensa da empresa, a ocorrência foi comunicada ao Cenipa (Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos), da Força Aérea Brasileira, que vai investigar o incidente. A assessoria não confirmou a explicação dada pelo piloto à polícia.





Leia íntegra da nota da Embraer enviada à imprensa:
São José dos Campos, 19 de fevereiro de 2014 – A Embraer informa a ocorrência de um incidente hoje pela manhã, em Gavião Peixoto (SP), envolvendo uma aeronave Super Tucano, quando um dos pilotos se ejetou durante manobra de treinamento, chegando ao solo com segurança. O outro piloto a bordo comandou o pouso da aeronave normalmente.

A ocorrência já foi comunicada ao Cenipa (Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos), da Força Aérea Brasileira.