T-SBUR2 Radar ADSB localizado em Uberaba alcance raio de 400 Km

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2017

2017 COMEÇA COM 11 ACIDENTES NA AVIAÇÃO BRASILEIRA

De acorda balanço da rede Aviation Safety Network, que compila dados sobre segurança aeronáutica, foram registradas 189 ocorrências na aviação no mundo todo, entre acidentes e incidentes, no primeiro mês de 2017. No Brasil, foram anotados 14 casos nesse período, sendo 11 quedas de aeronaves. 


O mais grave, foi o acidente com o bimotor Beechcraft King Air C90GT, em Paraty, que matou o ministro do STF Teori Zavascki e outras quatro pessoas.



4/1 – Cessna A188B Ag Truck
O avião agrícola modelo Cessna 188 (matrícula PR-RUY) se acidentou em Montividiu (GO) quando tentava pousar com fortes ventos. Segundo autoridades, o piloto sofreu “lesões variadas”. As causas do acidente ainda estão sendo apuradas.

5/1 – Cessna 172S Skyhawk
O monomotor Cessna 172 (PR-GRS) caiu após colidir com cabos de energia durante o procedimento de aproximação para pouso, em Tangará da Serra (MT). Dois dos quatro ocupantes que viajavam na aeronave, morreram.

5/1 – Embraer EMB-202 Ipanema
Um avião agrícola EMB-202 (PT-ULF) caiu na área rural de Guarapuava (PR). As circunstâncias do acidente ainda são desconhecidas. O piloto sofreu ferimentos graves.

O avião agrícola caiu em Guarapuava próximo a rodovia BR- 277 (Corpo de Bombeiros)

11/1 – Airbus A320
Um jato Airbus A320 (PR-OCI) da companhia Avianca Brasil sofreu um birdstrike durante a decolagem no Aeroporto de Chapecó (SC). Um pássaro foi ingerido por um dos motores da aeronave, mas o voo (O66319) continuou sem intercorrências até o destino, em Florianópolis. A aeronave foi reparada na capital catarinense e retornou ao serviço 10 horas após o incidente.

13/1 – Robinson R44
Um helicóptero R44 caiu na região rural de Buritama (SP), próximo ao rio Tietê. O Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) constatou que a aeronave era clonada – portanto não é possível definir sua matrícula correta. Os dois ocupantes que viajavam no aparelho ficaram feridos.

14/1 – Embraer EMB-201 Ipanema
Um avião agrícola modelo EMB-201 (PT-UCQ) caiu em Querência do Norte (PR), sob circunstâncias ainda desconhecidas. Junto da aeronave acidentada foi encontrado 60 kg de cocaína. O piloto não foi localizado.

14/1 – Embraer EMB-200 Ipanema
Também em 14 de janeiro, outro avião agrícola, modelo EMB-200 (PT-GBZ), caiu em Santana do Araguaia (PA) depois que o piloto perdeu o controle durante o voo de pulverização de pesticidas. Autoridades ainda investigam as causas do acidente. O dono do avião, investigado por homicídio culposo, não apresentou os documentos de vistoria da aeronave, a permissão de voo e nem o brevê do piloto, que morreu na queda.

15/1 – Ultraleve
Um avião ultraleve caiu após decolar do aeroclube de Mogi Mirim (SP) e apresentar problemas no motor. A aeronave levava dois ocupantes; um deles ficou em estado grave.

15/1 – Boeing 767
Um jato 767 (PT-MSY) da companhia Latam foi alvejado por um tiro de fuzil. O projétil de calibre 7,62 milímetros foi encontrado alojado na asa esquerda da aeronave. Não se sabe ainda em qual localidade e de que forma (em voo ou parado) o avião foi atingido – o jato cumpre rotas internacionais a partir de São Paulo e o Rio de Janeiro.

17/1 – Embraer EMB-202 Ipanema
Quinto avião agrícola acidentado em janeiro, um EMB-202 caiu em uma fazenda em Monte do Carmo (TO). A aeronave bateu em uma árvore durante um nevoeiro e danificou uma das asas. O piloto, ferido na queda, tentou um pouso de emergência, mas caiu próximo a uma estrada. A matrícula do avião não foi divulgada.

A aeronave caiu próximo a uma estrada vicinal de uma fazenda (Polícia Militar)

19/1 – Beechcraft C90GT King Air
Em acidente que chocou o público brasileiro, um bimotor King Air (PR-SOM) caiu no mar durante a aproximação para pouso no Aeroporto de Paraty (RJ), com tempo ruim e baixa visibilidade. Cinco pessoas morreram na queda, entre elas o ministro do STF Teori Zavascki. As causas do acidente estão sendo investigadas.

22/1 – Robinson R44
Um R44 (PP-MAM) caiu enquanto sobrevoava uma área fluvial em Capitólio (MG), às margem do Rio Turvo, em frente a vários espectadores. Todos os quatro ocupantes da aeronave sofreram apenas pequenos ferimentos. Em vídeo captado a bordo do helicóptero é possível ouvir o alarme de baixo RPM. O piloto, porém, não reagiu aos alertas.



28/1 – Van’s RV-10
Um monomotor RV-10 (PT-ZGI) caiu durante a aproximação de pouso no aeroporto de Socorro (SP). O piloto, único ocupante da aeronave, sofreu ferimentos leves.

28/1 – Boeing 737
O vôo G39139 realizado por um Boeing 737-800 da companhia Gol precisou voltar ao aeroporto de Goiânia (GO) depois de sofrer um birdstrike. A aeronave decolou 12:10 com destino ao Aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro. A 2.350 pés (716 metros ) em uma velocidade de 220 nós (407 km/h), pássaros foram ingeridos por um dos motores, que precisou ser desligado em voo. Às 12:43, a aeronave pousou em segurança.